Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

oraviva

oraviva

04
Jul20

Pouco para muitos

publicado por júlio farinha

   O governo acaba de anunciar mais uma despesa megalómena. Desta vez, prenuncia-se mais um Novo Banco. A injecção de 1,2 mil milhões de euros vão parar a uma empresa em préfalência: TAP.

   O ministro das infraestruturas Pedro Santos foi o enviado do PM para fingir que o governo pretendia a nacionalização. Tratava-se de um jogo que Costa jogou. Na realidade, o governo, ao contrário do que diziam certos comentadores, fugia da nacionalização como o diabo fugia da cruz. 

   A TAP vai ser o sugadouro de muito dinheiro, embora os governantes garantam que o dinheiro a injectar já está inscrito no orçamento suplementar contando também, com dinheiros da UE   ( sob condições à holandesa) e dificilmente virá a ser lucrativa.

   A reestruturação  da TAP, sob condições que se prevêem gravosas, diz o governo ( agora já a uma só voz) lançará muitos trabalhadores para o desemprego. A TAP ficará mais pequenina e as receitas esperadas com o comércio, negócios, exportações e turismo serão uns trocos perante a dimensão que já deteve.

   É caso para dizer :  quanto vale uma pipa de massa forrada de dívidas?  Dinheiro, por dinheiro, ficaríamos melhor confinados e entregues à Nação. Não vá a coisa recuperar-se e, nesse caso, lá teremos outra vez os privados. Como é costume nos do Bloco Central.

    Não sou daqueles que frequentam aviões. Até hoje só fiz duas viagens de longo curso e duas num avião doméstico no longíncuo e belo Timor. Certamente não irei  até ao fim dos meus dias alterar esta estrada de chão feita. Eu e milhares de portugueses estarão para sempre na rota terrestre. Por isso, façam o favor de não irem aos meus impostos. Para esse peditório já dei. Muito.

   Para já, siga-se a palavra de ordem: acabar com o "pouco para tantos".

   

      

mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D