Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

oraviva

oraviva

25
Fev20

Pensar e agir

publicado por júlio farinha

"O cérebro segrega o pensamento assim como o fígado segrega a bílis" - frase atribuída a Descartes e aos materialistas do século XVII.

Não há pensar sem a base material que o produz, nem há qualquer instância sobrenatural que esteja na  sua génese. Tudo é material, tudo é consequência da matéria incluindo aquilo que se designa por espiritual.

A alma não existe, de facto. Atribui-se o termo a um atributo humano localizado no cérebro responsável pelas emoções e pela razão. A própria inteligência emocional, própria pelo debitar dos sentimentos e pelo conhecimento de si e pela compreensão do outro é, tudo razão - embora lhe demos diferentes nomes por facilidade de análise.

Do mesmo modo, os humanos não amam com o coração mas com a cabeça. Nesta, o cérebro detecta impulsos nervosos, eléctricos e transformam tudo isso em acção, em linguagem. Os sentidos do ser humano: tacto, visão, audição, paladar e olfacto constroem o mundo sensorial que, por sua vez, interpreta e formata a realidade de cada um.

Sem pensamento não há acção humana e sem acção humana o pensamento é estéril.

Bons pensamentos dão em boas acções e boas acções fazem nascer bons pensamentos.

2 comentários

Comentar post

mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D